.posts recentes

. Chove. É dia de Natal

. Guevara

. Este é o tempo

. Labirinto ou não foi nada

. Alma Perdida

. Ainda ontem pensava que n...

. Saber viver é vender a al...

. Dactilografia

. Balada da Neve

. Livro de Horas

.arquivos

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

Terça-feira, 17 de Julho de 2007

Livro de Horas

Aqui, diante de mim,
Eu, pecador, me confesso
De ser assim como sou.
Me confesso o bom e o mau
Que vão em leme da nau
Nesta deriva em que vou.

Me confesso
Possesso
Das virtudes teologais,
Que são três,
E dos pecados mortais
Que são sete,
Quando a terra não repete
Que são mais.

Me confesso
O dono das minhas horas.
O das facadas cegas e raivosas
E das ternuras lúcidas e mansas.
E de ser de qualquer modo
Andanças
Do mesmo todo.

Me confesso de ser charco
E luar de charco, à mistura.
De ser a corda do arco
Que atira setas acima
E abaixo da minha altura.

Me confesso de ser tudo
Que possa nascer em mim.
De ter raízes no chão
Desta minha condição.
Me confesso de Abel e de Caim.

Me confesso de ser Homem.
De ser o anjo caído
Do tal céu que Deus governa;
De ser o monstro saído
Do buraco mais fundo da caverna.

Me confesso de ser eu.
Eu, tal e qual como vim
Para dizer que sou eu
Aqui, diante de mim!

Miguel Torga


publicado por Lara às 18:49

link do post | comentar | favorito
|

4 comentários:
De KI a 20 de Julho de 2007 às 23:43
Excelente poema :-)
Tb gsoto bastante de Torga

Bom fim de semana


De Lara a 21 de Julho de 2007 às 01:36
Também me identifico bastante com grande parte da sua poesia, como este poema.
Espero que tenhas gostado do blog.
Boa noite,
Lara.


De verdadepolitica a 22 de Julho de 2007 às 17:25
o governo norte coreano não aceita ajuda humanitaria. e como nao somos governo nao podemos fazer nada

www.verdadepolitica.blogs.sapo.pt


De Lara a 22 de Julho de 2007 às 18:57
E o que é que isso tem a ver com o post que comentaste? Porque é que não respondeste no teu blog, que é onde está o post que eu comentei. Aliás, o que é que aconteceu ao meu comentário? Desapareceu? Apagaste? Só permites os comentários que te dão razão? Apagas os outros?

O governo da Coreia do Norte não aceita ajuda humanitária dos Estados Unidos. Depois da queda da URSS enfraqueceu e, muitas vezes, chega a depender de ajuda humanitária.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.tags

. todas as tags

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds